Descubra o Institut du Monde Arabe

Visitas aos museus de Paris A partir de 175,00 € Saber mais

Inaugurado no dia 30 de novembro de 1987, o Institut du Monde Arabe proporciona uma ocasião única para descobrir a riqueza da civilização árabe, seus saberes, sua arte e seu gosto pela estética.

Por que um instituto do mundo árabe?

Foi ano final dos anos 70, quando o governo francês tomou consciência da ausência de representação do mundo árabe na França, que o germe da ideia de criar um espaço cultural especialmente destinado a seu brilho.

A criação da Grande Mesquita de Paris, em 1926, já honrava as estreitas ligações entre a França e os países do mundo árabe sem que, contudo, um local laico honrasse a civilização árabe em si.

Valéry Giscard d'Estaing foi o primeiro a pensar na construção de um museu do mundo árabe para apaziguar as tensões pós primeira crise do petróleo. A Fundação do Institut do Monde Arabe foi criada em 1980 no intuito de criar uma primeira ponte entre a França e os países árabes. Ele foi colocada sob a autoridade moral de um conselho (Haut Conseil) composto por representantes de todos os países membros da Liga Árabe. Em 1981, o presidente François Miterrand acelerou o projeto e encontrou um local para o futuro monumento: uma parcela da Universidade de Jussieu, até então inutilizada.

Arquitetura única

A arquitetura do Institut du Monde Arabe é única: trata-se de um dos monumentos mais bonitos e prestigiosos de Paris. Localizado no Quartier Latin, em frente à Île Saint-Louis, o prédio proporciona uma das vistas mais bonitas da capital e da catedral Notre-Dame de Paris.

Desenhado por um coletivo de arquitetos, Jean Nouvel e Architecture-Studio, o Institut du Monde Arabe proporciona um interessante encontro entre a arquitetura oriental e ocidental. A fachada norte, voltada para Paris histórica, simboliza a relação com a cidade antiga. A fachada sul, do lado Jussieu, retoma temas da rigorosa geometria árabe. Composta por 240 mashrabiyas com diafragmas que podem abrir e fechar em função da luminosidade, criando um jogo de luz e sombra internas e externas, com os materiais de vidro e aço.

Trabalhada de modo remarcável, a arquitetura do prédio ganhou o prêmio Equerre de prata em 1987, bem como um dos prêmios Aga Khan. A faixada de masharabiyas também serviu de cenário, em 2007, para a propagando do perfume Elle de Yves Saint Laurent. 

Visitar o Instituto do Mundo Árabe

As coleções permanentes do museu do Institut du Monde Arabe estão divididas em três andares:

• No 7° andar os visitantes podem admirar as obras do mundo árabe antes da Hégira,

• O 5° andar é destinado à arte e civilização do mundo árabe-islâmico,

• O 4° andar é destinado à expansão do Islã e do mundo árabe propriamente dito, seja Índia, Irã e Turquia.

Todos os outonos, exposições temporárias também permitem que os visitantes descubram os tesouros do patrimônio dos países árabes, seja de arte contemporânea, fotografia ou exposições que retratem temas da atualidade. 

Visitas guiadas ao museu, construídas segundo um percurso temático, permitem descobrir a história dos homens do mundo árabe, inclusive antes do advento do Islã no século VII. Cinco temas são desenvolvidos: Arábias, Sagrado e figuras do divino, Cidades árabes, Beleza e Tempos de viver. 

Aproveite a visita cultural intensamente rica, durante a qual você ficará impressionado(a) com os talentos dos guias conferencistas do Institut du Monde Arabe.