O jardim des tuileries e do Carrossel

Tours no Museu do Louvre A partir de 43,00 € Saber mais

Os jardins des Tuileries e o Carrossel totalizam 28,6 hectares de história e passeios.

O jardim des Tuileries

O jardim des Tuileries faz parte dos espaços verdes mais apreciados de Paris. Situado no centro da Cidade Luz, permite ir ao Museu do Louvre, ao Museu de Orsay, ao museu do Jeu de Palme e à Praça da Concórdia. Permite também chegar às margens do Sena. É um passeio ideal para os andarilhos que querem aproveitar diversos ambientes da capital em um só lugar.

Anteriormente, este espaço era dedicado às tulherias, que deram seu nome ao jardim. O palácio des Tuileries foi construído por iniciativa de Catarina de Médici a partir do ano 1564. Tratava-se de um rico jardim à italiana com várias alamedas, uma fonte e uma gruta decorada. Um século mais tarde o rei Luís XIV e Jean-Baptiste Colbert, controlador do Estado das finanças, encomendaram à André Le Nôtre um novo desenho para os jardins que teriam também uma extensão. Nessa época, o jardim já era público e acessível a todos os parisienses mesmo se guarnecido para preservar a beleza. Hoje, o Palácio des Tuileries não existe mais, foi destruído em 1883. Contudo, os parisienses e os visitantes continuam passeando ali. Vários pequenos lagos e esculturas dão ritmo aos passeios. É um lugar particularmente propício para os encontros e as brincadeiras. Bancos e cadeiras são colocados à disposição gratuitamente para permitir a cada um aproveitar o trabalho de Le Nôtre.

Todo ano uma parte da Fashion Week de Paris ocorre ali. Ali se cruzam celebridades, modelos e apaixonados pela moda. É também ali que se instala o parque de diversões de Paris “a festa des Tuileries”, que ocorre todos os verões de junho a agosto.

O jardim do Carrossel

O jardim do Carrossel está situado na parte Leste do jardim des Tuileries. Passa-se de um ao outro sem mesmo se dar conta. Da Pirâmide do Louvre, atravesse a Praça do Carrossel e você já chegou. É uma área com uma elevação em relação ao jardim des Tuileries. É decorado com esculturas do escultor francês Aristide Maillol. O Arco do triunfo do Carrossel celebra a vitória da França na batalha de Austerlitz, em 1805, das tropas de Napoleão Bonaparte contra o Império russo e o Império austríaco. A escultura no topo representa uma obra tomada em Veneza como tesouro de guerra pelas tropas de Napoleão I. Trata-se de São Marcos acompanhado de uma carruagem de quatro cavalos. O original foi devolvido em 1815 após a derrota na batalha de Warterloo. As duas esculturas que cercam o Arco de triunfo são a História e a França vitoriosa de Antoine-François Gérard.

Acesso :

  • Metro 1, estação Tuileries, Concorde
  • Metro 1 e 7, estação Palais royal – Musée du Louvre
  • Metro 8 e 12, estação Concorde
  • Metro 14, estação Pyramides
  • RER C, estação Musée d’Orsay

Preços : 

Visita livre e gratuita

Abertura :

  • 7h30 - 19h30, do último domingo de setembro ao último domingo de março
  • 7h - 21h, do último domingo de março ao último sábado de setembro

Informações sobre a COVID-19: De acordo com as directivas do governo francês, as nossas excursões são canceladas e as nossas agências estão fechadas até 1 de Maio. Confira nossa última atualização AQUI.