Construção da Torre Eiffel

Tours com a Torre Eiffel A partir de 43,00 € Saber mais

Quando a Torre Eiffel foi construída?

A Torre Eiffel foi construída por ocasião da Exposição Universal de 1889 que celebrou o primeiro centenário da Revolução Francesa. O projeto, ambicioso e controverso, tornou-se posteriormente um projeto incontornável do panorama parisiense e o símbolo da capital francesa pelo mundo afora. As diferentes fases de construção

Originalmente o projeto de construção da Torre Eiffel foi feito em resposta a um concurso publicado pelo Jornal Oficial, em vista da Exposição Universal de 1889. O concurso previa a construção de uma torre de ferro quadrada, de 300 metros de altura e 125 metros de diâmetro na base. O projeto de Gustave Eiffel, Maurice Kœchlin e Emile Nouguier foi escolhido dentre as propostas apresentadas.

Conheça algumas datas da construção da Torre Eiffel:

  • Junho de 1884: Elaboração do projeto e desenhos
  • 28 de janeiro de 1887: Início das obras
  • 1.° de julho de 1887: Início da montagem dos pilares
  • 1.° de abril de 1888: Término do primeiro andar
  • 14 de agosto de 1888: Término do segundo andar
  • 31 de março de 1889: Término da montagem do topo

Ao todo, as obras duraram 2 anos, 2 meses e 5 dias e a inauguração foi feita no dia 21 de março de 1889. Então Effeil, responsável pela concepção, subiu os 1710 degraus da Torre para cravar uma bandeira francesa, lá no topo. 

Construção da Torre Eiffel: uma verdadeira proeza técnica

Uma torre tão alta jamais havia sido construída. Até 1929 — 40 anos após seu término — ela foi considerada como o edifício mais alto do mundo, graças a seus 300 metros. Além disso, o tipo de estrutura metálica escolhida por Eiffel só tinha sido usada na construção de pilares de pontes de uma altura muito inferior. O projeto fez face a um desafio arquitetural de grande envergadura, ao qual se acrescentaram dificuldades específicas: a necessidade de resistir aos ventos, a amplitude do projeto e os prazos impostos pela data de abertura da Exposição Universal.

A performance parecia ainda mais maluca do que o tamanho: seria construída em pleno centro de Paris. Aos poucos, a torre e suas 7.300 toneladas de ferro foi se erguendo, graças ao esforço de cerca de 300 trabalhadores pendurados em andaimes de madeira... Um empreendimento utópico cujo sucesso junto ao público jamais será contestado.

A realização de uma utopia que veio para ficar

Construída para a Exposição Universal de 1889 em Paris, não havia previsão para que a torre mais conhecida do mundo permanecesse no local. Ela devia ser desmontada, apesar de seu sucesso incontestável: quase 2 milhões de visitantes compareceram ao evento para admirar sua arquitetura e a vista de Paris. Contudo, ela foi preservada para ser usada como antena. Como Eiffel encorajara as experiências de transmissão feitas do alto da Torre, ela logo se tornou indispensável às transmissões radiográficas e às telecomunicações, verdadeira revolução tecnológica do século posterior. Ainda hoje ela serve como antena de televisão, paralelamente à função de atração turística e de ícone.